Inter volta a Porto Alegre após derrota e ameaças na Arena Palmeiras

O Inter está de volta a Porto Alegre após a derrota por 1 a 0para o Palmeiras na última quarta-feira, em São Paulo, pelo jogo de ida das quartas de final da Copa do Brasil. O elenco colorado desembarcou na capital gaúcha por volta das 16h30 desta quinta.

Um a um, jogadores, integrantes da comissão técnica e dirigentes passaram pelo saguão do aeroporto Salgado Filho e logo rumaram ao ônibus do clube, sem maior alarde. O presidente Marcelo Medeiros passou sem dar declarações, bem como o executivo de futebol Rodrigo Caetano. O vice Roberto Melo voltou antes da delegação.

Após a partida na Arena Palmeiras, os colorados relataram ter ouvido xingamentos por parte de torcedores em um camarote ao lado do local onde acompanharam o jogo. Medeiros ainda foi ameaçado de morte, como relatado por ele e pelo vice de futebol.

Solícitos, os atletas atenderam a pedidos de selfies e autógrafos antes de entrar no veículo. Paolo Guerrero, Marcelo Lomba, D'Alessandro e Nico López foram os atletas mais requisitados pelos fãs que passaram pelo terminal. Não houve reclamações ou cobranças pela derrota em São Paulo.

Ainda pela manhã, os atletas que não iniciaram em campo na derrota para o Palmeiras treinaram na capital paulista. A tendência é que Odair Hellmann mande a campo equipe reserva para enfrentar o Athletico-PR na Arena da Baixada, no próximo domingo, às 16h, pelo Brasileirão. O elenco colorado se reapresenta para treinamentos na manhã desta sexta-feira.


Foto: Eduardo Deconto/GloboEsporte.com

© 2019 por "Grupo SBC de Comunicações". Portal de Divulgação.

AREA DE ADM