Sistema do Aeroclube de FW permite transporte de paciente

U

ma história que certamente conta com toda a torcida positiva da comunidade regional. Na noite desta sexta, 11, Alessandro Pereira, que estava hospitalizado em estado grave no Hospital Santo Antônio, em Tenente Portela, devido a complicações causadas pela Covid-19, foi transferido para o Hospital de Clínicas, em Porto Alegre, para atendimento especializado.

A transferência foi possível por vários motivos. Um deles se deve ao sistema de balizamento noturno do Aeroporto de Frederico Westphalen. A tecnologia é fruto de investimento dos empresários associados ao aeroclube, permitindo que aeronaves possam decolar ou pousar a qualquer horário.

Entenda o caso

Alessandro sofre de uma doença autoimune e contraiu o vírus da Covid-19. O estado de saúde dele é muito grave, sendo necessário utilizar em seu tratamento, um equipamento chamado ECMO. O ECMO (Oxigenação por Membrana Extracorpórea), que funciona como um pulmão e um coração artificiais para pacientes com órgãos comprometidos, um equipamento de alta complexidade.

Além disso, também foi necessário o transporte com UTI móvel e UTI aérea até o Hospital das Clínicas em Porto Alegre.

Como ajudar

Os custos do equipamento juntamente com o transporte serão de, aroximadamente, R$ 200 mil, valor que foge totalmente da realidade financeira da família.

Quem puder ajudar, pode doar qualquer valor, através da vakinha online que foi organizada. A família também pede por orações.

Acesse a vakinha online aqui

Além da Vakinha Online, também está disponível para depósito, no Sicredi, agência 0313, conta 35.193-2, CPF 028.968.390-46, em nome de Claudia de Oliveira Kaiser, esposa do Alessandro.

© 2019 por "Grupo SBC de Comunicações". Portal de Divulgação.

AREA DE ADM